Unimed Set Maxiboard interno

Notícias

Em jogo atrasado, Palmeiras vence Fluminense e encosta na briga pela ponta do Brasileirão

Por Agência Estado, 10/09/2019 às 23:16
atualizado em: 10/09/2019 às 23:16

Texto:

Com três gols de Luiz Adriano, o Palmeiras venceu o Fluminense por 3 a 0, nesta terça-feira à noite, e refez as pazes com seus torcedores no Allianz Parque. O resultado manteve o time alviverde na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, mas agora com 36 pontos, a apenas três do líder Flamengo e a um do vice-líder Santos.

Os quase 28 mil palmeirenses que foram acompanhar a partida, atrasada da 16ª rodada do Brasileirão, chegaram ressabiados ao estádio com a equipe por causa da recente eliminação na Libertadores e da sequência de jogos ruins. Nas arquibancadas houve pedido pela saída de Alexandre Mattos, gerente de futebol do clube, e cobrança por um melhor futebol. Luiz Adriano, no entanto, tratou de acabar com esse clima de desconfiança.

O Palmeiras começou o jogo ligado e os visitantes praticamente não pegaram na bola nos dez minutos iniciais. Os anfitriões abriram o placar em jogada pela esquerda. Diogo Barbosa bateu cruzado na trave e Luiz Adriano aproveitou o rebote para tirar o zero do marcador.

Mas, no restante da primeira etapa, o Palmeiras recuou e passou a dar espaço para o Fluminense, que ficou com mais posse de bola Também faltava velocidade ao time da casa para matar o jogo no contra-ataque. E por pouco não levou o empate. João Pedro recebeu bela assistência de Ganso e errou frente a frente com Fernando Prass.

Na volta do intervalo, os comandados de Mano Menezes retornaram ligados novamente e sacramentaram a vitória graças a dois vacilos de marcação da zaga do Fluminense. Dudu cruzou rasteiro da direita e Luiz Adriano apareceu livre na área para ampliar, aos 12. Cinco minutos depois, Marcos Rocha mandou na área pelo alto e o camisa 10 estava novamente sem marcação para fechar o placar.

O técnico Mano Menezes ainda tirou Luiz Adriano aos 23 para o atleta ter o seu nome gritado pelos torcedores. Borja entrou em seu lugar. O Fluminense sentiu o baque do terceiro gol, não criou mais nada nos minutos finais e o Palmeiras também tirou o pé do acelerador com as entradas de Raphael Veiga e Thiago Santos.

Após o seu segundo triunfo seguido em dois jogos sob o comando de Mano, o time palmeirense voltará a campo no próximo sábado, quando fechará a sua campanha no primeiro turno do Brasileirão contra o Cruzeiro, às 19 horas, no Allianz Parque. Já o Fluminense enfrentará o Corinthians no domingo, às 16 horas, no Mané Garrincha, em Brasília.

FICHA TÉCNICA:

PALMEIRAS 3 X 0 FLUMINENSE

PALMEIRAS - Fernando Prass; Marcos Rocha, Luan, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique (Thiago Santos) e Gustavo Scarpa (Raphael Veiga); Dudu, Willian e Luiz Adriano (Borja). Técnico: Mano Menezes.

FLUMINENSE - Muriel; Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Aírton (Yuri Lima), Paulo Henrique Ganso (Dodi) e Nenê; Wellington Nem (Marcos Paulo), Yony González e João Pedro. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

GOLS - Luiz Adriano, aos 8 minutos do primeiro tempo, e aos 12 e aos 17 do segundo.

ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS).

CARTÕES AMARELOS - Wellington Nem e Airton (Fluminense).

PÚBLICO - 27.956 pagantes.

RENDA - R$ 1.557.517,40.

LOCAL - Allianz Parque, em São Paulo.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link